quarta-feira, 6 de abril de 2016

Finanças


Eu sou daquelas pessoas que não percebe nada de finanças, ou seja, na hora de pôr o IRS, eu vou pondo conforme o que pede o formulário e rezo para que não fique nada mal preenchido. Agora porquê e para que serve, não faço a mais pequena ideia. E quando aparece qualquer coisa de errado e eu não faço a mais pequena ideia porquê, a minha mãe farta-se de reclamar comigo, porque, segundo a argumentação dela, como passo a vida no computador, deveria saber tudo o que se passa num computador, isto é, como o IRS é feito através da internet, eu deveria saber o porquê de alguma coisa dar errada. 

Ora, isto faz-me lembrar um post que fiz há um tempo. Ela tem inteligência para saber que o erro não tem nada a ver com o computador, mas mesmo assim tem que reclamar comigo, só porque sim, porque fica nervosa e começa a panicar por tudo e por nada e reclama com o que tem à frente. Imaginem se eu fosse uma pessoa de discutir por tudo e por nada... era um vendaval cá em casa!

10 comentários:

  1. Eu e o portal das finanças também nunca nos demos muito bem. Felizmente, o meu pai é contabilista e sempre tratou disso por mim =P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É que não é assim nada de outro mundo, mas não percebendo nada do assunto, uma pessoa fica sempre de pé atrás xD

      Eliminar
  2. Não percebo nada, nunca preenchi, é sempre alguém por mim ahahhah

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahah eu preencho sempre com a minha mãe ao lado, ela percebe pouco e eu muito menos xD

      Eliminar
  3. eu quando tenho dúvidas, não envio o IRS sem antes falar com alguém que trabalhe nas finanças

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aquilo se der algum erro, aparece uma notificação com o erro, mas compreender o porquê de estar errado é que são outros assuntos xD

      Eliminar
  4. Identifico-me imenso neste post, sou exatamente igual! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É uma altura do ano que eu dispensava xD

      Eliminar
  5. Eu por acaso, sendo a primeira vez que fiz "a sério" (nos outros anos só ajudei a fazer), achei até bastante intuitivo (mas eu instalei mesmo o programa, acho que é mais fácil).
    Acho é que este método é terrível para os idosos. A maioria se calhar nem sabe o que é um computador e mesmo assim tem que entregar o IRS dessa forma. Resta mesmo pedir ajuda..

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, para os idosos isto deve ser horrível :/ Até as pessoas que lidam com computadores diariamente têm as suas dúvidas sempre, então nem quero imaginar para eles

      Eliminar