domingo, 10 de abril de 2016

Não posso deixar para amanhã


É muito triste quando chego a casa depois de um dia bastante atarefado e me apercebo que me esqueci completamente de passar um tabuleiro de roupa. E não, não o posso deixar para amanhã, porque começa uma nova semana e vou voltar a esquecer-me de certeza, portanto lá vou eu pegar no ferro e meter mãos à obra.

10 comentários: