quarta-feira, 6 de setembro de 2017

Um chefe não serve só para mandar


Na minha opinião, um bom chefe, não só manda fazer, como também mostra que sabe fazer e faz sem qualquer problema. Já tive chefes espectaculares que se mostravam sempre prontos e sem qualquer medo do trabalho, sem nunca esquecer a liderança da equipa. Isso para mim é a definição de um bom chefe. 

Actualmente, tenho uma chefe que tem uma personalidade muito querida até. Acredito mesmo que a mulher seja muito boa pessoa, mas não gosto mesmo nada dela como chefe. As pessoas adoram fazer turnos com ela, porque ela é uma pessoa espectacular e quando tem de chamar alguém à atenção fá-lo num tom que não deixa uma pessoa piursa de ter acabado de levar nas orelhas.

Já eu detesto trabalhar com ela. É muito boa pessoa, sim senhor, mas não mexe o cú para fazer uma palha. Dá instruções a este, dá instruções àquele e toda a gente segue essas instruções, mas há vezes que essas instruções são de tal maneira estúpidas que eu só penso "Então mas se lá estás, porque não fazes tu?". 

Imaginem que alguém vai à casa de banho, faz as suas necessidades e acaba com o papel higiénico. Em vez de trocar o rolo que está numa gaveta mesmo ao lado da sanita, sai da casa de banho e vai chamar alguém para o ir fazer. Esse alguém que estava ocupado a passar a roupa a ferro, é obrigado a largar a sua tarefa para ir à casa de banho mudar o rolo. Obviamente que este não é um exemplo verídico, mas acho que dá para perceber o sentimento.

1 comentário: