sábado, 24 de março de 2018

Conta-me como foi


Sendo uma devoradora de séries, passo a vida à procura da próxima série a ser devorada e desta vez decidi dar a oportunidade a uma série portuguesa. 

A série que escolhi foi "Conta-me como foi" que acompanha a vida da família Lopes no final dos anos 60. A história é narrada pelo filho mais novo, Carlos Manuel, que conta nos dias de hoje, as suas memórias daquele tempo. Um tempo de ditadura onde se tinha que ter muito cuidado com o que se dizia, pois a PIDE estava onde menos se esperava. 

Uma família normalíssima com as suas dificuldades financeiras. Um pai que é funcionário público e tem que ter um segundo emprego clandestinamente para arranjar mais um dinheirito. Uma mãe que costura em casa para arranjar uns trocos para ajuda das despesas. Uma filha mais velha que trabalha num cabeleireiro. Um filho do meio que estuda para ser o primeiro da família Lopes a entrar para a Universidade e fugir da guerra. O filho mais novo que não entende certas coisas e fica chateado por herdar as roupas e os livros do irmão. E uma avó que não gosta nada de modernices e não entende como é que a família se dá ao luxo de ir comprar uma televisão. 

A verdade é que estou rendida à série. Conta de maneira subtil e engraçada como se vivia naqueles tempos e que apesar de todas as adversidades da vida, arranjava-se sempre maneira de se ter felicidade. Estou mesmo a adorar a série! 

3 comentários:

  1. Vi e adorei a serie ;)
    Boa descriçao Emma!

    visitem o meu cantinho:
    https://welcometovalleyofthedolls.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Vi esta série na RTP há alguns anos, na trasmissão original e adorei :) acho que é, mesmo, das melhores séries portuguesas de sempre!

    ResponderEliminar
  3. Eu assistia essa série há alguns anos atrás, devia ter uns 15 anos. Adorava, e agora até fiquei com saudades de ver.
    Beijinhos

    ResponderEliminar